terça-feira, 23 de abril de 2013

Quando a criança não lê...





Quando a criança não lê a imaginação adoece






Dia Internacional do Livro







A Biblioteca

Chegada a noite, volto a casa e entro no meu escritório; e, na porta, dispo a roupa quotidiana, cheia de lama e de lodo, e visto trajes reais e solenes; e, vestido assim decentemente, entro nas antigas cortes dos homens antigos, onde, recebido amavelmente por eles, me alimento da comida que é só minha, e para a qual nasci; onde eu não me envergonho de falar com eles e de perguntar-lhes as razões das suas acções. E eles com a sua bondade respondem-me; e, durante quatro horas, não sinto tédio nenhum, esqueço-me de toda a ansiedade, não temo a pobreza, nem a morte me assusta: transfiro para eles todo o meu ser.

Nicolo Maquiavel

terça-feira, 16 de abril de 2013



"O Amor é eterno como as estrelas. Não sabemos nada das estrelas, como nada sabemos do Amor. 

Mas muitas vezes encontramos no brilho distante de uma estrela a coragem necessária 

para atravessar noites de excessiva treva."


Inês Pedrosa


Dia Mundial da Voz




"As palavras são a voz humana em pleno voo."
Baptista-Bastos

quarta-feira, 10 de abril de 2013

Que é voar?



Que é voar?

Que é voar?
É só subir no ar,
levantar da terra o corpo, os pés?
Isso é que é voar?
Não.

Voar é libertar-me,
é parar no espaço inconsistente
é ser livre, leve, independente
é ter alma separada de toda a existência
é não viver senão em não-vivência.

É isso voar?
Não.

Voar é humano
é transitório, momentâneo.

Aquele que voa tem de poisar em algum lugar
isso é partir
e não voltar.


Ana Hatherly

terça-feira, 9 de abril de 2013

Cegueira de Olhos Abertos


Eustache Le Sueur - Cristo curando o cego

Cegueira de Olhos Abertos

A cegueira que cega cerrando os olhos, não é a maior cegueira; a que cega deixando os olhos abertos, essa é a mais cega de todas: e tal era a dos Escribas e Fariseus. Homens com os olhos abertos e cegos. Com olhos abertos, porque, como letrados, liam as Escrituras e entendiam os Profetas; e cegos, porque vendo cumpridas as profecias, não viam nem conheciam o profetizado.
(...) Esta mesma cegueira de olhos abertos divide-se em três espécies de cegueira ou, falando medicamente, em cegueira da primeira, da segunda, e da terceira espécie. A primeira é de cegos, que vêem e não vêem juntamente; a segunda de cegos que vêem uma coisa por outra; a terceira de cegos que vendo o demais, só a sua cegueira não vêem.

António Vieira

quinta-feira, 4 de abril de 2013

Dietrich Bonhoeffer



O Céu e o Ninho



O Céu e o Ninho

És ao mesmo tempo o céu e o ninho.
Meu belo amigo, aqui no ninho,
o teu amor prende a alma
com mil cores,
cores e músicas.

Chega a manhã,
trazendo na mão a cesta de oiro,
com a grinalda da formosura,
para coroar a terra em silêncio!

Chega a noite pelas veredas não andadas
dos prados solitários,
já abandonados pelos rebanhos!
Traz, na sua bilha de oiro,
a fresca bebida da paz,
recolhida
no mar ocidental do descanso.

Mas onde o céu infinito se abre,
para que a alma possa voar,
reina a branca claridade imaculada.
Ali não há dia nem noite,
nem forma, nem cor,
nem sequer nunca, nunca,
uma palavra!

Rabindranath Tagore, in "O Coração da Primavera"
Tradução de Manuel Simões